VITÓRIA DA MÁQUINA CORAL EM CIMA DO TIRADENTES NO PV

Que tal recordar nesse fim de ano mais um jogo da Máquina Coral? Há um quarto de século, o Ferroviário dominava o futebol cearense com um time azeitado e repleto de grandes jogadores, embora pouco conhecidos quando contratados. O jogo acima aconteceu no dia do aniversário do Ferrão, em 1995. O Tubarão da Barra fez 2×0 em cima do Tiradentes, no PV. O volante Ricardo Lima marcou um golaço de falta e o artilheiro Robério decretou a vitória coral, marcando de cabeça. Aquele jogo recebeu 2.844 pagantes e teve a arbitragem de César Augusto. Treinado por Ramon Ramos, o Ferrão formou com Roberval, Alex, Batista, Santos e Paulo Adriano; Ricardo Lima, Hilton e Borges; Piti, Robério (Márcio Sales) e Reginaldo. O time coral estava desfalcado do lateral João Marcelo e do craque Acássio. O Tiradentes perdeu com Fábio, Valderi, Ernane, Toni e Helinho; Alex (Ivan), Assis e Marcelo; Alonso, Jacinto (Nonato) e Gilson. O treinador era Humberto Maia. Recentemente, no livro “Crônicas Corais“, o time bicampeão estadual de 1994 e 1995 foi eternizado através de um texto especial intitulado ´Máquina Coral de Futebol`. Vale a pena a leitura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s