ADEUS AO RECORDISTA QUE MAIS VEZES ENTROU NOS GRAMADOS

Manoelzinho: grande recordista

Manoelzinho se foi. O jogador que mais vezes entrou em campo com a camisa do Ferroviário Atlético Clube faleceu ontem, em Fortaleza, aos 92 anos de idade. O piauiense Manoel David Machado teve uma vida longeva e foi homenageado algumas vezes, tanto em sua carreira profissional exercida na ´Estrada de Ferro`, como também como jogador de defesa histórico do Tubarão da Barra, entre os anos de 1946 e 1962. Foram 407 jogos com a camisa coral, 10 gols marcados e, nada mais nada menos, que 12 títulos conquistados pelo Ferrão, a saber: campeão do Torneio Início de 1949, campeão da Taça Heitor Ribeiro em 1949, campeão cearense de 1950, campeão do Quadrangular Interestadual em 1951, campeão do Quadrangular Estadual em 1952, campeão do Torneio Municipal em 1952, campeão da Taça Castelo Branco em 1952, campeão cearense de 1952, campeão do Pentagonal de Fortaleza em 1955, campeão do Pentagonal Estadual de 1955, campeão da Copa Fortaleza-Maranguape em 1958 e campeão do Torneio Moisés Pimentel em 1960. Em 2019, Manoelzinho foi homenageado na coleção de copos ´Legendários` e compareceu a um jogo do Ferroviário contra o Imperatriz/MA, no PV, palco de suas atuações no passado. Recentemente, o livro ´Crônicas Corais` foi lançado, trazendo uma crônica intitulada “Ao mestre, com carinho“, escrita em homenagem ao recordista coral. Abaixo, um registro histórico: uma compilação do documentarista Aderbal Nogueira, gravado na primeira década dos anos 2000, quando o ex-jogador recordou momentos de sua vida. Descanse em paz, Manoelzinho.

VITÓRIA DA MÁQUINA CORAL EM CIMA DO TIRADENTES NO PV

Que tal recordar nesse fim de ano mais um jogo da Máquina Coral? Há um quarto de século, o Ferroviário dominava o futebol cearense com um time azeitado e repleto de grandes jogadores, embora pouco conhecidos quando contratados. O jogo acima aconteceu no dia do aniversário do Ferrão, em 1995. O Tubarão da Barra fez 2×0 em cima do Tiradentes, no PV. O volante Ricardo Lima marcou um golaço de falta e o artilheiro Robério decretou a vitória coral, marcando de cabeça. Aquele jogo recebeu 2.844 pagantes e teve a arbitragem de César Augusto. Treinado por Ramon Ramos, o Ferrão formou com Roberval, Alex, Batista, Santos e Paulo Adriano; Ricardo Lima, Hilton e Borges; Piti, Robério (Márcio Sales) e Reginaldo. O time coral estava desfalcado do lateral João Marcelo e do craque Acássio. O Tiradentes perdeu com Fábio, Valderi, Ernane, Toni e Helinho; Alex (Ivan), Assis e Marcelo; Alonso, Jacinto (Nonato) e Gilson. O treinador era Humberto Maia. Recentemente, no livro “Crônicas Corais“, o time bicampeão estadual de 1994 e 1995 foi eternizado através de um texto especial intitulado ´Máquina Coral de Futebol`. Vale a pena a leitura.

CELSO GAVIÃO E SUAS MEMÓRIAS NO FERROVIÁRIO E NO PORTO

O vídeo acima foi editado a partir de uma entrevista concedida pelo ex-zagueiro Celso Gavião à jornalista Denise Santiago. Veiculado no programa Jogo Certo da TV Diário, em 2018, o ex-atleta coral falou de algumas recordações vitoriosas no futebol, entre elas, o título estadual no Tubarão da Barra, em 1979, e o título mundial no Porto, de Portugal, em 1987. Quando perguntado sobre ter marcado o gol do título pelo Ferrão em cima do Ceará, Celso não titubeou: “foi o gol do título“. Na prática, é verdade que não foi, visto que o título só foi confirmado após uma vitória por 3×0 em cima do Fortaleza, na rodada seguinte. Porém, o gol do Gavião foi de uma importância tamanha que é comumente referido como o ´gol do título`, dado o contexto de uma vitória maiúscula, histórica e totalmente improvável em termos de prognósticos naquele momento. Referida curiosidade é, inclusive, relatava no texto intitulado “Petardo do Gavião e Milagres do Capacete“, no recém-lançado livro `Crônicas Corais´, em alusão às atuações individuais do zagueiro Celso e do goleiro Cícero Capacete naquele memorável jogo contra o alvinegro, em setembro de 1979. Fica a dica de leitura.

VALDEMAR CARACAS E ZÉ LIMEIRA EM PROGRAMA DA TV DIÁRIO

O Almanaque do Ferrão resolveu abrir o baú nesse final de semana e recuperou esse vídeo maravilhoso reunindo Valdemar Caracas e Zé Limeira, respectivamente fundador e torcedor símbolo do time coral. A gravação ocorreu em programa da TV Diário, em novembro de 1998, quando Caracas estava prestes a completar 91 anos de idade. Na telinha, Zé Limeira apresenta sua coleção de chifres em matéria gravada em sua residência. Na sequência, os dois conversam brevemente no estúdio da emissora com o apresentador Tom Barros e com o repórter Edmilson Maciel. Foi, sem dúvida, um encontro histórico proporcionado pela televisão cearense. Zé Limeira faleceu em 2004. Caracas foi morar no céu em 2013. Recentemente, os dois foram homenageados em “O Velho Caracol” e “A Falta que um Zé me Faz“, duas crônicas históricas publicadas no recém-lançado livro “Crônicas Corais“, à venda na Ferrão Store. 

REGISTRO EM VÍDEO DO LANÇAMENTO DE CRÔNICAS CORAIS

O vídeo acima é uma produção do publicitário e videomaker Éder Bicudo. Ele gentilmente esteve presente, no último dia 9,  no lançamento do livro “Crônicas Corais“, que reúne uma coletânea de vinte textos históricos sobre o Ferroviário Atlético Clube. A apresentação no início da gravação é do jornalista Victor Hannover, conhecido repórter de televisão e apresentador do Globo Esporte, em Fortaleza, durante muitos anos. O material acima tem três minutos de duração e apresenta também um relato sobre a obra com o autor Evandro Ferreira Gomes e as imagens de alguns torcedores corais que compareceram ao Barbarians Pub, no bucólico bairro do Benfica, na capital cearense. Sete anos depois do lançamento do livro “Almanaque do Ferrão” e após o pré-lançamento virtual e o lançamento oficial de “Crônicas Corais“, o novo livro já está à disposição dos interessados na Ferrão Store, no Shopping RioMar Kennedy, ao preço de 50 Reais, podendo também ser adquirido diretamente aqui pelo blog por aqueles que residem fora da cidade de Fortaleza ou também por delivery no Whatsapp de número (85) 99128-4059, especialmente criado para esse fim. Boa leitura!

LANÇAMENTO DE “CRÔNICAS CORAIS” EM REDUTO CORAL

Depois da Live de pré-lançamento de “Crônicas Corais“, que serviu para apresentar, antecipar e registrar virtualmente um bate-papo de assuntos genuinamente corais, que permearam o universo de criação e realização da nova obra sobre o Ferroviário Atlético Clube, chegou a hora do lançamento oficial para aquisição física do livro. Ele acontecerá na quarta-feira, dia 9 de Dezembro, a partir das 19 horas. Será no Barbarians Pub, conhecido reduto da torcida coral em dias de jogos do Ferrão veiculados na televisão. Na ocasião, ocorrerá a tradicional sessão de autógrafos para os interessados em local aberto e arejado do estabelecimento. Em razão do atual período de pandemia global, o uso de máscaras será obrigatório em conformidade com a legislação estadual. Apesar de começar às 19 horas, o torcedor coral pode se dirigir sem pressa ao Barbarians Pub em qualquer horário, até 22 horas, para facilitar o fluxo de interessados e evitar aglomeração desnecessária. Um número suficiente de exemplares está reservado para atender a demanda, independente do horário que o torcedor chegar ao local. A obra “Crônicas Corais“, publicada pela Editora Primeiro Lugar, custará R$ 50,00 e poderá ser adquirido em dinheiro ou cartão de crédito. O Barbarians Pub fica localizado na Rua Waldery Uchôa, número 42, esquina com a famosa Av. 13 de Maio, no bairro do Benfica, em Fortaleza. Todos convidados!

LIVE DE PRÉ-LANÇAMENTO DO NOVO LIVRO “CRÔNICAS CORAIS”

Para quem perdeu a Live de pré-lançamento do livro “Crônicas Corais“, o vídeo acima fica disponível para fazer você se redimir. Em quase uma hora de bate-papo, Evandro Ferreira Gomes e Evaldo Lima, respectivamente autor e prefacista da nova obra sobre o Ferroviário Atlético Clube, discorrem sobre fatos importantes da história do clube que viraram crônicas e que estão agora definitivamente eternizadas na literatura esportiva brasileira. O livro foi lançado pela Editora Primeiro Lugar e a orelha de apresentação foi escrita pelo ex-presidente Chateaubriand Arrais. O lançamento presencial de ´Crônicas Corais` será no dia 9 de dezembro, às 19 horas, no Barbarians Pub, no bairro Benfica, na Rua Waldery Uchôa, Nº 42, que fica próximo ao estádio Presidente Vargas.

PRÉ-LANÇAMENTO DO LIVRO CRÔNICAS CORAIS NO INSTAGRAM

Crônicas Corais chegando nas prateleiras

Nessa terça-feira, dia 1° de dezembro, às 21 horas, acontecerá virtualmente, em uma Live no Instagram, o pré-lançamento do livro “Crônicas Corais“. Escrito pelo mesmo autor do Almanaque do Ferrão, o novo livro chega ao vasto universo da literatura esportiva e reúne uma compilação de vinte textos devidamente preparados durante a pandemia de coronavírus, no primeiro semestre desse ano. A nova obra sobre o universo coral é um produto lançado pela Editora Primeiro Lugar, especializada na publicação de livros no segmento esportivo. Nomes como os de Valdemar Caracas, Estelita Aguirre, Zé Limeira, Zezé do Valle, Ruy do Ceará, José Rego Filho, Vicente Monteiro, Clóvis Dias, entre tantos outros, estarão presentes nas crônicas corais, ao lado de passagens envolvendo jogadores que fizeram a história do clube como Manoelzinho, Pacoti, MacacoMarcelino, os heróis do título invicto de 1968, os bicampeões estaduais nos anos 1990, o título de campeão brasileiro em 2018, etc. Enfim, trata-se de uma verdadeira coletânea de boas histórias sobre fatos e feitos que ajudaram a consolidar o Ferroviário como uma das principais agremiações esportivas do futebol nordestino. A Live de pré-lançamento do novo livro acontecerá no perfil do Almanaque do Ferrão no Instagram e contará com um bate-papo entre o autor Evandro Ferreira Gomes e Evaldo Lima, prefacista da obra, professor e tradicional torcedor coral. O lançamento presencial de ´Crônicas Corais` será no dia 9 de dezembro, às 19 horas, no Barbarians Pub, no bairro Benfica, que fica próximo ao estádio Presidente Vargas. Aqueles que desejarem adquirir antecipadamente seu livro, em todo Brasil, podem fazê-lo através do Whatsapp (85) 99128-4059, especialmente criado para esse fim.

BATE-PAPO PROMOCIONAL SOBRE O NOVO LIVRO “CRÔNICAS CORAIS”

O livro “Crônicas Corais” entrou nessa semana em pré-venda no site da Editora Primeiro Lugar e Rafael Morais, editor da companhia, organizou um bate-papo no Instagram com o autor Evandro Ferreira Gomes para promover a ação. Do mesmo autor do Almanaque do Ferrão, a nova obra traz uma coletânea de vinte crônicas históricas sobre o Ferroviário Atlético Clube. Na conversa informal realizada há dois dias, Rafael e Evandro discorrem sobre o conteúdo do livro e também sobre vários outros aspectos que permeiam a sua produção a partir de acontecimentos verificados no passado do autor e na trajetória do próprio Tubarão da Barra, de seus ex-jogadores, conquistas e personagens importantes ao longo do tempo. O novo livro sobre o Ferrão será lançado em dezembro e tem o prefácio assinado por Evaldo Lima, ex-secretário de esportes de Fortaleza e veterano torcedor coral. O texto de apresentação na orelha da obra é do ex-presidente Chateaubriand Arrais, que gentilmente aceitou a missão. Após o lançamento do livro, prevista para a primeira quinzena de dezembro, a obra ficará à disposição dos torcedores e desportistas na loja oficial Ferrão Store.

DIVULGADA A CAPA DO NOVO LIVRO INTITULADO “CRÔNICAS CORAIS”

Divulgada a capa do novo livro sobre o Ferrão

Crônicas Corais” é o nome do novo livro envolvendo o universo do Ferroviário Atlético Clube, a ser lançado em dezembro de 2020. No início dessa semana, a Editora Primeiro Lugar divulgou a capa da nova obra literária, que trará importantes fatos e feitos históricos do time coral, narrados em forma de textos de fácil e agradável leitura. Do mesmo autor do Almanaque do Ferrão, a nova publicação reunirá uma compilação de 20 crônicas, sendo onze delas totalmente inéditas e outras nove anteriormente publicadas na seção ´Crônica Coral` dentro da extinta Expresso Coral, revista que circulou como instrumento oficial do clube entre 2008 e 2010. Referido material do passado sofreu uma atualização e foi reescrito para os tempos atuais, formando com os textos inéditos uma obra que, segundo o parecer do editor Rafael Morais, vai reunir crônicas bem escritas, carregadas de emoção e de resgate histórico. A tiragem do novo livro será limitada e a Editora Primeiro Lugar se encarregará da pré-venda em seu próprio site, prevista para o final de outubro e com distribuição garantida para torcedores e leitores de todo o país. O evento de lançamento oficial acontecerá no mês de dezembro na cidade de Fortaleza.