ÍDOLO DO BOTAFOGO/RJ JOGOU NO FERROVIÁRIO EM 1992

Ponta direita Helinho em entrevista para o Globo Esporte de Fortaleza na temporada de 1992

Ele foi um dos ídolos do Botafogo/RJ nos anos 1980. Há 30 anos, o ponta direita Helinho fazia sua estreia com a camisa do Ferroviário Atlético Clube. Foi no dia 24 de setembro de 1992, no PV, contra o Fortaleza. O atleta foi contratado apenas para os últimos dois meses do Campeonato Cearense daquele ano. Inicialmente, Helinho chegou para defender justamente o Fortaleza, mas acabou não aprovado nos exames médicos. Do Pici, o rumo do jogador foi a Barra do Ceará, levado pelo dirigente Clóvis Dias, que exercia o cargo de diretor de futebol na ocasião. Curiosamente, ao fazer sua estreia no Clássico das Cores, o jogador deixou a sua marca em cima do time que o rejeitou. Foi dele o gol coral no empate de 1×1 com o Fortaleza. Três dias depois, mais um clássico, dessa vez contra o Ceará, no Castelão, e Helinho marcou outro gol com a camisa do Ferrão. No decorrer da competição, assinalou seu terceiro e último gol contra o Icasa, no Elzir Cabral. Ao todo foram apenas 7 jogos pelo Ferroviário na carreira do carioca Hélio Ricardo Dias da Conceição, o Helinho. Dois anos depois de sua passagem pelo futebol cearense, ele pendurou as chuteiras atuando no estado do Espírito Santo. Grêmio/RS e Bangu/RJ foram outras equipes em seu currículo.

4 respostas em “ÍDOLO DO BOTAFOGO/RJ JOGOU NO FERROVIÁRIO EM 1992

  1. Lembro bem dele no Ferrão. Ponta direita raiz e bom finalizador. O Fortaleza não ficou com ele porque disse que ele tinha uma parafuso no joelho, ai ele foi pro ferrão e fez o gol parafuso na leoa kkkkk. coisas do futebol.

    Curtir

  2. Graça e paz a todos!
    Um acontecimento muito interessante ocorrido com atletas no passado do nosso ferrão. Tem um outro acontecimento ocorrido em 22.02.1948 já passados 74 anos, quando numa disputa pelo título de campeão cearense de 1947, jogavam nosso ferroviário contra o time do Fortaleza que empatando seria campeão. Aos dez do segundo tempo estava 3×3 quando o Juiz expulsou um jogador do ferroviário. O tempo fechou e a diretoria do ferrão TIROU O TIME DE CAMPO. Isto acontecendo, o presidente da FCF major João Lago Diniz Junqueira, mandou PRENDER todos os jogadores, diretores e comissão técnica do nosso querido ferroviário. Todos foram até a chefatura de polícia onde foram liberados. Isto foi uma gozação por muito tempo. Alguém mais velho lembra disso?

    Curtir

  3. Graça e paz a todos! Obrigado por ratificar o acontecimento caro Evandro Ferreira. Citar aquele fato foi só pra lembrar que desde muito tempo nosso ferrão sofre injustiças de autoridades constituídas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s